Confira erros comuns na gestão empresarial e saiba como evitá-los

Confira erros comuns na gestão empresarial e saiba como evitá-los

Tempo de leitura: 5 minutos

Gerir um negócio não é tarefa simples, ainda mais num cenário conturbado como este que temos vivenciado no Brasil. Organizações do mundo todo foram impactadas por conta da pandemia e ainda estamos vivenciando os resquícios dessa crise de saúde mundial. Então, preste atenção nos erros mais comuns e se sua empresa estiver cometendo-os, pare e corrija o rumo da gestão de seu negócio.

Quais são as reais expectativas do negócio?

Com a minha experiência em atendimento a empresas de diferentes segmentos e portes, vejo frequentemente uma falta de clareza quanto à definição de expectativas.

Sem expectativas claras, sem objetivos claros. A gestão do negócio tende a se tornar desorientada, colaboradores não sabem para que fim atuam.

É fundamental ter um planejamento estratégico, mas que seja constantemente revisado, considerando a realidade na qual o negócio está inserido, com metas e objetivos claros, que consequentemente irão gerar expectativas concisas.

Cortes de custo que refletem sobre a qualidade

Em momentos de crise, muitas organizações já procuram por maneiras de cortar custos e é muito delicado quando se cortam os custos de produção, colocando em jogo a qualidade dos produtos e serviços.

De repente, essa pode ser uma boa estratégia de curto prazo, mas no futuro, a imagem da empresa pode ser grandemente prejudicada.

Vale lembrar que os clientes atualmente estão muito mais focados no valor agregado do que consomem do que na economia. Diminuir a qualidade abre espaço para a concorrência.

Não investir na comunicação e poder do marketing

Há empresas que por razões de estratégia não investem em divulgação com o intuito de vender, mas de apenas mostrar os processos de trabalho. Pequenos produtores geralmente optam por esse estilo, porque contam com demanda sob medida.

Mas empresas que precisam vender os seus produtos e serviços não podem ignorar a força da comunicação e marketing. O bom conteúdo unido a estratégias de comunicação e divulgação são imprescindíveis para o crescimento de qualquer negócio, independentemente do porte e segmento.

Esse é um erro que muitas empresas cometem e também está ligado à gestão, porque também é papel da gestão pensar na comunicação interna e externa do negócio.

Deixar de registrar movimentações financeiras

Todas as movimentações que envolvem o negócio devem estar registradas. É uma rotina disciplinar que deve ser mantida, esse é básico, mas que pode acreditar, ainda é algo comum a muitas empresas, principalmente de pequeno porte. Sem esse controle fica impossível analisar com precisão a situação financeira da empresa.

Desatenção quanto às responsabilidades fiscais

Sim, é burocrático ser empresário no Brasil, mas é preciso cumprir com as responsabilidades fiscais e trabalhistas. Não importa o porte da empresa, é preciso pagar os tributos fiscais e evitar o erro de não fazê-lo. Os prejuízos pelo não cumprimento das regras costumam ser maiores do que se a empresa tivesse dentro das normas e leis.

Falta de preparo para crises e instabilidades

Por que tantas empresas fecharam as portas na pandemia? Porque não estavam preparadas tanto do ponto de vista da gestão como um todo e, claro, do ponto de vista da gestão financeira. Esse é um dos erros mais comuns na gestão empresarial e para evitá-lo a empresa precisa contar com capital de giro adequado e constantemente trabalhar sua gestão sob a perspectiva de cenários alternativos, positivos e negativos.

Não contar com um sistema adequado de gestão empresarial

Imagina ter que recorrer a diferentes sistemas para ter acesso ao todo de um negócio? Por centenas de anos foi assim e aos gestores era extremamente complexo ter a visão global do negócio. Mas, atualmente há inúmeros sistemas de gestão integrados, em que é possível ver todas as informações em um só lugar, sendo assim, fica muito mais fácil ter um panorama da empresa e, a partir disso, pensar em melhores estratégias e tomar importantes decisões.

Falta de transparência com os colaboradores

Principalmente em momentos de crise, é preciso trabalhar sob a luz da verdade. Expor às pessoas a realidade delicada no negócio é importante. Como, após traçar estratégias, envolver os times colaborativos, se não estão cientes do que está ocorrendo na empresa?

A transparência é um dos pilares da governança corporativa, aliás, empresas que contam com uma governança corporativa sólida tendem a lidar muito melhor diante de cenários de crise, além de conseguirem reverter com maior facilidade problemas de instabilidade que colocam em risco a permanência no mercado.

Como ter uma solução quando há tantos problemas em jogo?

Dentre os erros mais comuns na gestão empresarial está a ação de ignorar a necessidade de ajuda. Quando a empresa não consegue mensurar seus problemas e muito menos pensar em soluções, é fundamental que procure a ajuda especializada de um profissional externo com amplo conhecimento em gestão. A visão externa ajudará a apontar os reais problemas enfrentados pela organização, que muitas vezes passam despercebidos aos olhos dos gestores.

Sua empresa tem cometido algum desses erros? É preciso rever a tempo.

Fonte: Jornal Contábil